<$BlogRSDURL$>

22.12.05

Uma bicha de sete cabeças 

A equação de campo de Einstein na sua forma mais compacta (e elegante) pode ser representada do seguinte modo:

Gμυ = 8 π Tμυ

A simplicidade da equação é enganadora. Por baixo do manto (pouco diáfano) dos símbolos encontra-se um diabo matemático apenas domável por mentes brilhantes.

A expressão do lado esquerdo representa a curvatura do espaço-tempo e a do lado direito a matéria-energia contida no espaço-tempo. Esta versão da equação implica um universo em que as galáxias se afastam umas das outras com velocidade crescente (modelo dinâmico de universo).

Mas em 1915 Einstein não sabia ainda que o universo estava em expansão. De acordo com a ciência da época estava convencido que o universo era estático, isto é, que o universo era um espaço fechado onde as galáxias mantinham as distâncias entre si.

Esta convicção levou-o a cometer “o maior disparate da sua vida”, adicionando ao membro esquerdo da equação aquilo que ficaria conhecido na história da ciência como o termo cosmológico. Deste modo a primitiva equação passou a ter o seguinte aspecto:

Gμυ + λ gμυ = 8 π Tμυ

em que λ é a constante cosmológica.

Comments: Enviar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?