<$BlogRSDURL$>

2.4.05

Engravidar - etimologia 

O vocábulo engravidar deriva do verbo latino gravidare que significa "carregar, tornar pesado." Nesta acepção o verbo é transitivo o que pressupõe desde logo um complemento directo.

Ex.

ROMANI SABINAS GRAVIDAVERUNT.
Os romanos engravidaram as sabinas.

Em sentido etimológico a frase anterior poderia traduzir-se assim:

"Os romanos carregaram as sabinas" (com o feto).

ou

"Os romanos tornaram pesadas as sabinas" (com o feto)

O sentido primitivo de "carregar, tornar pesado" evoluíu com o passar do tempo para o sentido actual de "fecundar, emprenhar."

Actualmente, o verbo engravidar emprega-se mais frequentemente no modo intransitivo como ilustra o seguinte exemplo:

SABINAE GRAVIDAVERUNT.
As sabinas engravidaram.

Isto é, ficaram grávidas. Neste caso o verbo não necessita de complemento directo.


Palavras da mesma família:

grávido,a - do lat. gravidus,a,um (carregado, cheio, pesado).

grave - do lat. gravis,e adj. (pesado, cheio, carregado, prenhe, grave). Ex. mulier gravis - mulher prenhe. A queda dos graves foi estudada por Galileu e Newton.

gravidez - do lat. gravitas,atis f. (peso, gravidez, gravidade).

gravar - do lat. gravare (pesar sobre, sobrecarregar, carregar, gravar)

Nota:

No acto de gravar uma inscrição numa pedra, por exemplo, está implícita a ideia de algo que "carrega, sobrecarrega ou pesa sobre". É o que faz o buril ou o cinzel no acto de desenhar as letras ou o quer que seja. Do exposto pode concluir-se que as palavras gravar e engravidar, aparentemente tão dissemelhantes, possuem na realidade a mesma filiação, pois é certo que ambas derivam de gravis,e (pesado) - que é o seu étimo.

30.3.05

Não... 

confundais a liberdade com a licença porque a liberdade é filha da razão e a licença é filha do desatino.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?